Núcleo Ciência Pela Infância vai premiar pesquisas relacionadas ao desenvolvimento infantil

Diversidade e desigualdade social, étnico-racial e cultural são temas considerados para esta premiação, que varia de R$ 3 a R$ 10 mil reais

Para alavancar a disseminação de conhecimento científico relevante e apoiar a formulação ou qualificação de políticas públicas, programas ou serviços voltados a crianças de 0 a 6 anos e suas famílias, o Núcleo Ciência Pela Infância (NCPI) criou o Prêmio Ciência Pela Primeira Infância, com inscrições abertas até dia 20 de julho.

No total, 15 pesquisadores serão selecionados como finalistas e participarão de oficinas para aprimoramento de competências em comunicação de resultados das pesquisas, utilização de linguagem acessível e priorização de conteúdos atraentes para gestores públicos atuantes na área da primeira infância.

Além disso, os finalistas produzirão, com o NCPI, publicações voltadas a gestores públicos, e ganharão prêmios no valor de R$ 3 mil a R$10 mil reais como reconhecimento pelo seu trabalho.

Para participar os candidatos deverão submeter uma pesquisa relacionada a um dos 3 eixos temáticos que representam desafios relevantes para a promoção do desenvolvimento na primeira infância no Brasil. São eles:

  • Infâncias plurais do Brasil: um olhar para a diversidade social, étnico-racial e cultural das crianças indígenas, quilombolas, negras, ribeirinhas, vivendo em áreas rurais vulneráveis ou áreas de fronteira;

  • Desigualdades e primeira infância: pesquisas sobre como a desigualdade socioeconômica, de gênero, racial ou a infância em situação de rua podem impactar o desenvolvimento infantil;

  • Avaliação de políticas públicas em primeira infância: pesquisas de avaliação da implementação ou sobre os efeitos de políticas, programas ou serviços voltados a crianças de 0 a 6 anos ou suas famílias.

Podem se inscrever pesquisadores brasileiros e estrangeiros, maiores de 18 anos, com titulação mínima de Doutor(a) e vinculados(as) a instituição pública ou privada de ensino superior no Brasil reconhecida pelo MEC (Ministério da Educação) ou a instituto de pesquisa da sociedade civil ou do poder público do Brasil.

Para garantir o princípio de diversidade do Prêmio, poderão ser utilizadas questões como raça/cor e região dos(as) pesquisadores(as) como critérios de priorização e/ou desempate, com priorização de pesquisadores(as) negros, pardos ou indígenas e das regiões norte e nordeste do Brasil.

As inscrições devem ser realizadas no site do evento até o dia 20 de julho e os finalistas serão anunciados em agosto.

Para mais informações e para ver o regulamento completo, acesse o site.

Sobre o Núcleo Ciência Pela Infância (NCPI)

Criado em 2011, o NCPI é uma coalizão que tem por objetivo produzir e disseminar conhecimento científico sobre o desenvolvimento da Primeira Infância para promover e qualificar programas e políticas públicas para crianças brasileiras em situação de vulnerabilidade social. O NCPI é composto, atualmente, por sete organizações: Center on the Developing Child da Universidade de Harvard, David Rockefeller Center for Latin American Studies, Faculdade de Medicina da USP, Fundação Bernard van Leer, Fundação Maria Cecilia Souto Vidigal, Insper e Porticus América Latina.

 

Leia Também